Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

H URB Imobiliária - Blogue

Todas as informações sobre o mercado imobiliário e sobre a H URB num só local.

Qui | 16.05.19

Receitas do IMI e IMT batem recordes

andreas-brucker-650757-unsplash.jpg

2018 foi um ano "de loucos" para as receitas do Imposto Municipal sobre Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT) e do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI). 

Segundo o site Idealista, só no ano passado foram vendidos 178 691 imóveis, mais 25 339 que em 2017, totalizando 24,1 mil milhões de euros em transações. Deste "bolo", o Estado conseguiu arrecadar receitas recorde. Citando o Instituto Nacional de Estatística (INE), no caso do IMT, o valor arrecadado atingiu os 998,3 milhões de euros, mais 20,2% do que em 2017. Já o IMI, o valor arrecadado atingiu os 1 663 mil milhões de euros, o valor mais alto de sempre. "O IMI registou um aumento da receita em 6,2%, o que corresponde a um crescimento nominal de 97,4 milhões de euros", indica o INE. 

Este crescimento das receitas "estará associada ao aumento da base tributável, uma vez que as taxas fixadas pelos vários municípios variam pouco", indica o instituto.